Assim nasceu a marca Marcopolo
Assim nasceu a marca Marcopolo

No longínquo ano de 1949, o jovem Paulo Bellini já mostrava determinação e um faro aguçado para os negócios. Vislumbrou, entre as inúmeras possibilidades de futuro, um mercado em que sua empresa se tornaria referência. Após o término da sociedade com os irmãos Nicola no fim dos anos 60, Bellini e Valter passaram a buscar uma nova marca para a empresa, que então se chamava Carrocerias Nicola.

Valter Gomes Pinto teve papel fundamental na criação da nova marca da Marcopolo. No fim dos anos 60, os Nicola saíram da sociedade e montaram outro negócio. Com isso, Bellini e Valter passaram a buscar uma nova marca para a empresa, que então se chamava Carrocerias Nicola.

Sol, praia e céu estavam entre as principais palavras que figuravam na lista de ideias. Até que surgiu Bertioga, uma praia do estado de São Paulo, frequentada por Bellini. Mas as palavras movimento, viagem e estrada também fizeram surgir um novo nome: Marco Polo, um dos grandes exploradores e aventureiros da História.

Como surgiu o logotipo da Marcopolo?
Como surgiu o logotipo da Marcopolo?

Paulo Bellini contou: “A equipe de propaganda já havia feito um esboço de um sol, quando começamos a falar em praia, Bertioga. É um sol estilizado, mas olhando bem, perceberam que ficava parecido com uma roda. E há pessoas que enxergam as seis rodas do ônibus ali. Então, de Bertioga sobrou o logotipo”. Mais tarde, veio a descoberta: o nome do pai do viajante Marco Polo era Nicola.

Da fundação aos dias de hoje
Da fundação aos dias de hoje

Desde a fundação em um pequeno galpão, quando ainda era chamada Nicola & Cia., os idealizadores da Marcopolo traçaram uma meta: investir de forma contínua em aprimoramento, tecnologia e expansão. Atualmente, James Eduardo Bellini ocupa o cargo de Presidente do Conselho de Administração, e Francisco Gomes Neto, de Diretor Geral.