08 de outubro de 2018
MANUFATURA DO FUTURO É O DESTAQUE DO 10º SIMPÓSIO SAE BRASIL DE MANUFATURA, EM CAXIAS DO SUL

Evento acontece nos dias 10 e 11 de outubro e tem como chairman Alex Etevaldo da Silva, diretor de qualidade e confiabilidade do produto da Marcopolo
 
Nos próximos dias 10 e 11 de outubro, Caxias do Sul sediará um dos mais importantes eventos sobre manufatura de indústria automobilística brasileira, o 10° Simpósio SAE BRASIL de Manufatura. Promovido pela SAE Brasil, o evento tem como tema “Os Caminhos da Competitividade: Dos alicerces à manufatura do futuro”. 

Segundo Alex Etevaldo da Silva, chairman do simpósio e diretor de qualidade e confiabilidade do produto da Marcopolo, é preciso criar e manter o diferencial competitivo das empresas brasileiras. “Cada companhia se encontra em um diferente estágio nesta constante evolução e necessita de conhecimentos distintos. Para avançar em direção à Manufatura 4.0, a indústria precisa fortalecer os alicerces neste período pós-crise e compartilhar as melhores práticas”, explica Alex.

Na edição deste ano, que celebra uma década do evento e sempre foi realizado em Caxias do Sul, será realizada também uma Mostra de Manufatura, com 17 expositores, que apresentarão o que há de melhor nas suas especialidades. No dia 11 de outubro estão programados minicursos e visitas técnicas às empresas Marcopolo, Todeschini e Tramontina, que permitirão uma visão prática dos conteúdos apresentados no simpósio.     

O 10° Simpósio SAE BRASIL de Manufatura será realizado no Hotel Intercity Premium e contará com três painéis, compostos de palestras, apresentações de cases e sessões de debates. A programação abordará os diferentes estágios da manufatura brasileira, desde organizações que precisam fortalecer os alicerces para recuperar as perdas da crise até empresas que já possuem cases de Indústria 4.0. 

“Nós precisamos adaptar as nossas fábricas para as tendências da indústria automotiva, como a eletrificação e as fontes alternativas de propulsão. Como podemos converter uma fábrica de componentes de motores a combustão para produzir também motores elétricos com o menor possível? Essa adaptação na manufatura passa automaticamente pela Indústria 4.0, cujo grande diferencial é justamente a flexibilidade com baixo investimento”, aponta Alex Silva.

Em paralelo, o público poderá visitar exposição de manufatura com as últimas inovações em produtos e serviços voltados à área. Entre os expositores destacam-se Autton, Bondmann, Ciriex, Dassault, Denker, ESI, Grapho, Grupo ArpiAspersul, Grupo GPS, Lesi/Seco, Okuma, Powermig, Salvagnini, Siemens, Staufen Taktica, Tiesse, Trumpf, UCS e Uniftec. 

“Os simpósios da SAE BRASIL são ferramentas eficazes para o acompanhamento de mudanças e de tendências tecnológicas na profundidade e velocidade dos mercados”, afirma o engenheiro Mauro Correia, presidente da SAE BRASIL.

Organizado pela Seção Caxias do Sul da SAE BRASIL, sob a direção de Sandro Trentin, o 10º Simpósio SAE BRASIL de Manufatura conta com os seguintes patrocinadores e apoiadores: APL, Bondmann, CIC, Dassault Systemes, ESI, Grupo ArpiAspersul, IQA, Lesi/Seco, Marcopolo, PGQP, Porsche Consulting, Powermig, Salvagnini, Seta, Siemens, Simecs, SIMMME, Sindipeças/Abipeças, Tiesse, TOTVS, Trumpf, UCS, Uniftec e VE3.

Entre os palestrantes destacam-se Mauro Correia, presidente da CAOA e presidente da SAE BRASIL; Alexandre Dorival Gazzi, COO das Empresas Randon e responde pela Randon Implementos e Randon Veículos; Angelin Adams, CEO da Bruning Tecnometal; Junico Antunes, CEO da Produttare Consultores Associados; Ranieri Karkow, diretor industrial da Stihl Ferramentas Motorizadas; Marcelo Daibert Martinelli Vidal, executivo de Manufatura da Volkswagen Caminhões e Ônibus, e Carlos Santiago, vice-presidente de Operações da Mercedes-Benz do Brasil, entre outros.