03 de março de 2020
MARCOPOLO APOIA PROJETO FOME DE APRENDER

Iniciativa do ex-jogador de futebol Tinga pretende levar alimento e cultura para quem precisa

Para oferecer mais oportunidades a quem não as tem e tentar diminuir a fome e a carência por cultura e conhecimento, o ex-jogador de futebol Tinga desenvolveu o projeto Fome de Aprender: a solidariedade bem servida, que reúne restaurante popular e biblioteca comunitária.

A Marcopolo, juntamente com outros parceiros, participa desta iniciativa por intermédio da adaptação de um ônibus urbano modelo Torino, com 12,5 metros de comprimento e interior adaptado. A transformação, que levou seis meses para ser concluída, permite a produção de refeições em cozinha industrial e espaço dedicado a uma biblioteca com diversos títulos disponíveis. Inicialmente, as refeições e o atendimento serão realizados na comunidade do bairro Restinga, na Grande Porto Alegre. Posteriormente, o projeto será ampliado para atuar de forma itinerante.

Segundo o ex-jogador, que teve passagens pelos clubes Grêmio, Internacional, Sporting, Borussia Dortmund e Cruzeiro, existem nas cidades brasileiras muitas pessoas em situação de risco. Por isso, ele idealizou para ir onde estas pessoas estão e apresentar uma ideia que possa ajudar, não apenas levando o alimento para o corpo, mas também oferecendo alimento para a mente.

“O direito básico da alimentação é o primeiro passo para tudo. É impossível aprender ou escutar os pensamentos quando se tem fome. Quantas crianças vão para a escola sem o almoço? Quantas tomam café da manhã antes de ir aprender? Mas o conhecimento também precisa ser compartilhado e oferecido a essas pessoas e comunidades”, destaca.

Crédito das imagens: Divulgação Marcopolo

Secco Consultoria de Comunicação
Tel. 55 (11) 5641-7407 | secco@secco.com.br